Alimentos para reforçar a sua imunidade

Muitos estudos avaliaram a efetividade da suplementação de vitaminas e minerais sem conseguir mostrar melhorias na saúde nem redução da mortalidade. Por outro lado, pessoas que consomem pelo menos 400g de frutas e verduras ao dia parecem ser as mais saudáveis ao redor do mundo. Isto porque além de vitaminas e minerais de boa disponibilidade, estes alimentos também fornecem fibras, água e fitoquímicos.

Por isso,  nutricionistas tentam sempre melhorar a dieta de seus clientes antes de pensarem em prescrever qualquer tipo de suplemento. Por exemplo, para produzirmos anticorpos e outras substâncias que protegem o corpo precisamos de nutrientes obtidos a partir da alimentação. Sua dieta está boa o suficiente para manter suas defesas em dia? Confira a lista e inclua mais cores na sua dieta:

  • Hortaliças de cor verde: vegetais como brócolis, couve e espinafre contém vitaminas antioxidantes (como A e C), clorofila, isoflavonas e luteína. Também são fontes de vitamina B6 que favorece a produção de glóbulos brancos (leucócitos), que combatem infecções.
  • Frutas e verduras azuis e roxas: mirtilos, amoras, açaí, berinjelas e uvas roxas são fontes de quercetina, resveratrol, antocianinas e vitamina C, com propriedades antioxidantes e antiinflamatórias.
  • Frutas e verduras vermelhas: tomate, cerejas, pimentão vermelho, melancia, beterraba, romã e goiaba vermelha são fontes de licopeno, um fitonutriente antioxidante associado ao menor risco de câncer, especialmente de próstata, mama e colo do útero.
  • Frutas e verduras amarelas e alaranjadas: damascos, manga, mamão, melão, laranja, abóbora e batata doce são fontes de carotenóides e vitamina C, potentes antioxidantes em meio lipídico e aquoso.
  • Kefir e outros produtos fermentados: fornecem probióticos, bactérias boas que defendem o corpo contra bactérias patogênicas e criam um ambiente propício para a absorção de minerais.
  • Peixes do mar, linhaça e chia: fontes de ômega-3, tipo de ácido graxo que combate a inflamação.
  • Gengibre: especiaria rica em fitoquímicos antioxidantes e antiinflamatórios. O consumo de gengibre reduz dores musculares, náuseas e enxaqueca.
  • Chás: flavonóides de ervas podem ser extraídos por infusão em água quente. Saiba mais sobre os benefícios dos chás:
Não esqueça de compartilhar
Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!
Tags