Antibióticos são as melhores armas contra bactérias perigosas, mas contra as bactérias boas também :(

gut-health-after-antibiotics.jpg

Os antibióticos matam com muita eficácia microorganismos invasores. Mas matam também as melhores bactérias possíveis, aquelas amigas que temos na barriga para nos proteger. Essas bactérias boas (denominadas probióticas) produzem seus próprios antibióticos. Ou seja, damos aos microorganismos um lugar quentinho para viver e eles nos protegem.

Contudo, o uso de antibióticos que compramos na farmácia são outra coisa. Representam um quarto de todos os medicamentos administrados às crianças e um terço das prescrições consideradas desnecessárias. Tem gente que toma antibiótico para dor de barriga, para prisão de ventre, para resfritado, condições em que o antibiótico nem sempre tem poder algum. Pelo contrário, o uso destes medicamentos sem critério aumenta a resistência de superbactérias ruins e essas sim matam muita gente no mundo o tempo todo.

O uso de antibióticos sem razão também aumenta o risco de obesidade, alergias, Alzheimer e doenças autoimunes. No caso de alergias, por exemplo, o uso de antibióticos pode erradicar as bactérias intestinais que ajudam as células do sistema imunológico a amadurecer. Essas células teriam sido essenciais para manter o sistema imunológico sob controle quando confrontadas com alérgenos. Mesmo que essas bactérias retornem, o sistema imunológico permanece comprometido.

O efeito colateral mais frequente do uso de antibióticos é a diarreia, principalmente em crianças e pacientes idosos, que recuperam-se muito mais lentamente após o uso destes medicamentos. É claro, o uso do antibiótico é recomendado em muitas situações mas não os tome desnecessariamente. E, tendo tomado, cuide bastante do seu intestino para que ele volte a te proteger. Conversaremos mais sobre o tema no curso Nutrição na Síndrome de Down. Inscreva-se agora: 

http://andreiatorres.com/blog/grupo-fechado-sd?rq=atualização

Compartilhe se achou interessante.
Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!