Ervas aromáticas - salsa e cebolinha

cheiro-verde.jpg

A salsa (Petroselinum crispum), pertencente à família Umbeliferae, é uma planta oriunda da região do Mediterrâneo, mas que hoje é cultivada no mundo todo. É utilizada com diferentes propósitos medicinais em diferentes países, inclusive como antimicrobiana, antisséptica, digestiva, sedativa, para tratar problemas gastrointestinais, inflamação, halitose, cálculos renais e amenorreia (falta de ovulação e menstruação). É uma importante fonte de compostos antiplaquetários benéficos, diminuindo agregação plaquetária e, consequentemente, o risco de trombose.

A Cebolinha (Allium schoenoprasum) é um tempero bastante utilizado no Brasil em diversas preparações culinárias. É uma planta com efeitos antimicrobianos e antifúngicos e também utilizada para aliviar a dor de garganta. A planta é rica em compostos fenólicos em suas folhas que conferem a ela uma propriedade anti-inflamatória e capacidade antioxidante e preventiva do câncer e do envelhecimento prematuro. Tanto salsa, quanto cebolinha são bastante utilizadas para realçar o sabor de saladas, ovos, omeletes (Sakurai et al., 2016). E você, como utiliza estas ervas aromáticas?

Compartilhe e ajude este trabalho a continuar.
Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar envie uma mensagem: http://andreiatorres.com/contato/
Tags