Yoga retarda o declínio cognitivo

Uma pesquisa feita no Brasil comprovou que a prática regular de Yoga traz benefícios para a memória e a concentração. “Da mesma maneira que os músculos, o cérebro também se desenvolve com o treinamento,” explica Elisa Kozasa, orientadora do estudo, publicado na revista científica Frontiers in Aging Neuroscience. “Como qualquer prática contemplativa, o yoga tem um componente cognitivo em que atenção e concentração são importantes”. 

Para o estudo, foram recrutadas 21 mulheres que faziam yoga (yoginís),  pelo menos duas vezes por semana, por um mínimo de 8 anos. Os pesquisadores compararam as yoginís com umgrupo de 21 mulheres saudáveis, que nunca praticaram yoga, meditação ou outra prática contemplativa, mas que foram pareadas com as yoginis em termos da idade (todas com mais de 60 anos) e níveis de atividade física.

Os resultados positivos foram revelados por exames de ressonância magnética no cérebro. Pessoas que praticam yoga possuem mais massa cerebral no córtex pré-frontal, prevenindo o declínio cognitivo.

A vantagem do yoga é que você pode praticar onde estiver. Aprenda e ensine em 12 meses. Inscreva-se hoje no curso de formação.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar envie uma mensagem: http://andreiatorres.com/contato/
Tags