Leucemia e ganho de peso em pessoas com síndrome de Down

Crianças e adolescentes com Síndrome de Down (SD) são mais propensos ao sobrepeso e obesidade do que pessoas sem SD. Além disso, crianças com SD em tratamento para leucemia linfoblástica aguda (LLA) ganham mais gordura corporal (Bricker, 2018).

O ganho excessivo de peso ocorre frequentemente durante o tratamento e também nos primeiros 6 meses de terapia de manutenção, mas pode ser modificado (Hill et al., 2018), principalmente quando a intervenção é precoce e os cuidados nutricionais estendem-se à toda a família.

Há muita importância no controle do peso visto que o excesso de gordura aumenta o risco de diabetes, Alzheimer, apneia do sono e problemas relacionados à marcha.  Discuto muitas questões relacionadas à suplementação de compostos específicos no curso online. Saiba mais aqui.

Screen Shot 2018-05-19 at 2.50.37 PM.png
Compartilhe se achou interessante.
Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!