Omeprazol, disbiose intestinal e aumento do risco de doenças crônicas

O omeprazol é um medicamento indicado para tratar o desconforto estomacal em pacientes com úlceras no estômago ou no intestino. Também costuma ser prescrito para pacientes com refluxo, hérnia de hiato ou infecção pela bactéria Helicobacter pylori.

Não tem venda livre, devendo ser prescrito por médicos pois, ao inibir a bomba de prótons, acaba dificultando a digestão de proteínas, a absorção de vitamina B12 e de alguns minerais, aumentando inclusive o risco de osteoporose e anemia.

O uso prolongado de medicamentos do grupo dos prazóis (omeprazol, pantoprazol, esomeprazol etc) causam disbiose intestinal. E, ao desregularem o intestino, aumentam a inflamação e contribuem para o desenvolvimento de hipertensão, insuficiência cardíaca e renal (Kitai e Tang, 2018).

52637299_2337081733202518_5062024081126195200_o.jpg

Para o tratamento da acidez excessiva mudanças no estilo de vida são necessárias. Fatores de risco para a gastrite, incluem, por exemplo, dieta pobre (rica em fast food), deficiências nutricionais, excesso de peso, consumo excessivo de álcool, tabagismo e ansiedade. Para combater os sintomas beba mais água, mastigue bem os alimentos, fracione suas refeições em menores quantidades, divididas em 6 vezes ao dia, pratique yoga para combater o estresse, pare de fumar, consulte um nutricionista e converse sobre a suplementação de nutrientes e compostos benéficos incluindo vitamina B12, vitamina C, probióticos, ômega-3 e extrato de aloe vera. Fazendo estas melhorias e emagrecendo, será muito mais fácil o desmame da medicação.

Aprenda mais sobre nutrição e saúde no curso de formação de coaches de saúde integrativa

Compartilhe e ajude este trabalho a continuar.
Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar envie uma mensagem: http://andreiatorres.com/contato/