Mais pistas sobre os benefícios da restrição calórica

A ciência dá passos lentos mas acaba chegando nas respostas que tanto esperamos. No dia 21 de setembro um grupo de pesquisadores das Universidades americanas de Harvard e de Cornell, publicaram na revista Cell um novo estudo sobre mecanismos com que a restrição calórica prolongam a vida. Os pesquisadores descobriram dois genes (SIRT3 e SIRT4) envolvidos diretamente no prolongamento da vida celular. Quando os mamíferos são submetidos a restrições calóricas, os dois genes entram em ação protegendo as células contra doenças relacionadas ao envelhecimento. Para saber mais, leia o post em inglês New clue to why eating fewer calories can help you live longer ou o artigo original:

Hongying Yang, Tianle Yang, Joseph A Baur, Evelyn Perez, Takashi Matsui, Juan J Carmona, Dudley W Lamming, Nadja C Souza-Pinto, Vilhelm A Bohr, Anthony Rosenzweig, Rafael de Cabo, Anthony A Sauve, and David A Sinclair. Nutrient-Sensitive Mitochondrial NAD+ Levels Dictate Cell Survival. Cell, Vol 130, 1095-1107, 21 September 2007.

Conheça meu livro: "O que aprendi em Harvard"

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar envie uma mensagem: http://andreiatorres.com/contato/
Tags